Barra x Pastilha: qual o melhor xampu sólido para o seu tipo de cabelo?

Fazer a transição de cosméticos industrializados para os naturais é no mínimo um grande aprendizado. Além de começar a prestar mais atenção na reação do seu corpo ao usar os produtos, você passa a entender ainda mais profundamente a utilidade dos ingredientes contidos neles.

Para ajudar a nossa comunidade a esclarecer as dúvidas sobre este universo, utilizaremos o blog para responder mais detalhadamente as perguntas que recebemos nos nossos canais. Vamos começar pela mais frequente de todas: barra x pastilha, qual o melhor xampu sólido para o meu tipo de cabelo?

Entenda as diferenças entre eles:

Os xampus em barra  são produzidos pelo método tradicional de processo a quente, utilizando ingredientes naturais e óleos vegetais específicos para cada tipo de cabelo.

Todo xampu e sabonete em barra são produzidos a partir da reação química entre uma gordura (óleos e manteigas vegetais) e uma base alcalina (hidróxido de sódio). O resultado deste processo, que recebe o nome de saponificação, é a transformação desses ingredientes em sabonete/xampu e glicerina. 

Portanto, sabonetes e xampus em barra , sem exceção, são produzidos com hidróxido de sódio, que é neutralizado, após o processo de saponificação.

Já o xampu em pastilha utilizamos como base surfactantes suaves de origem natural como o isetionato de sódio sodium cocoyl isethionate, um surfactante em pó feito de ácidos graxos derivados do coco que adiciona muita espuma nas formulações cosméticas sem ressecar o couro cabeludo. 

De maneira geral, o xampu em pastilha é a melhor alternativa para as pessoas que não conseguem se adaptar ao xampu em barra, ou vão usar um xampu sólido pela primeira vez e querem ter um resultado mais seguro. Isso acontece porque a pastilha tem um pH mais balanceado que pode ser facilmente adequado ao pH do couro cabeludo. Também é mais concentrado do que a barra e mais durável (média de 60 lavagens). 

Enquanto a opção em barra costuma resultar em uma solução levemente alcalina (pH 7 – 8) e, por conta disso, muitas pessoas não se adaptam ou demoram a se adaptar ao xampu em barra. Mas ele pode ser uma ótima opção para cabelos curtos, fios mais secos, ondulados, crespos e cacheados. Ele também possui um sensorial mais agradável e pode ser utilizado no corpo como sabonete.

Ambos são feitos de matérias-primas saudáveis e livres de componentes nocivos à saúde. Além de biodegradáveis, veganos e não agredirem o meio ambiente. 

Como utilizar os xampus sólidos?

Esfregue a barra ou pastilha nos cabelos bem molhados até fazer bastante espuma. Massageie durante uns minutos e depois enxágue bem. Se achar necessário pode repetir a aplicação.

Importante destacar que ao optar por qualquer tipo de xampu sólido você:

– Reduz a quantidade de embalagens plásticas no cotidiano.

– Valoriza o trabalho artesanal de um pequeno produtor.

– Reconhece os produtos que coloca no corpo.

– Contribui para a preservação do meio ambiente, produzindo menos resíduos.

Agora que você já entendeu a diferença entre eles, acesse o site da
Baobá e escolha o seu tipo de xampu: barra ou pastilha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s